Sexta-feira, 8 de Julho de 2016

O Principezinho

Estas últimas três semanas foram completamente alucinantes de trabalho, empenhamento, dedicação e pouco descanso. Voltei a dormir com papel e caneta à cabeceira para tomar notas de coisas que me vou lembrando em período de repouso. Há muitos anos que me tinha descartado de responsabilidade profissional acrescida, mas por vários acasos neste momento tenho mais trabalho e responsabilidade. Tenho esperança que seja por pouco tempo, até lá tenho de manter este ritmo com rigor, exigência e profissionalismo. E como fazer mal dá mais trabalho do que fazer bem, é assim que eu vou continuar. Claro, que para sobrevivência intelectual e de espírito continuo a manter alguns programas sociais que só me fizeram bem. Um deles foi no domingo passado, no Museu Nacional de História Natural e Ciência, onde durante a manhã, de baixo de uma linda e gigantesca árvore assistimos à peça de teatro "O principezinho", pela mão dos actores da companhia de teatro Byfurcação. A história do principezinho não tem idade e diz tantas verdades! Que devíamos com frequência pegar nele no livrinho e estudar aquelas lições. Muitas vezes! Só fazia bem! E há lá coisa melhor, do que com este bom tempo assistir a uma peça de teatro ao ar livre, no meio da criançada e da natureza?!

Sinto-me:: Sentir-me cativada!
Tags: ,
publicado por mg_criacoes às 21:17
link do post | comentar | favorito

Marisa Rebiteza

Fevereiro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
28

Posts recentes

Terá um fim?!

Decorações de Natal

Boas Festas!

Uma massagem para acalmar...

Sem relógio? Sem telemóve...

Bolo-pudim

Licor de canela

Calor em fim de Outubro, ...

Arquivos

Tags

actividade profissional

actividades domésticas

amizade

bijuteria

bimby

experiências

faculdade

família

férias

lazer

livros

memórias

natal

receitas

relações interpessoais

relações profissionais

saúde e bem-estar

sentimentos

tempo

viver

todas as tags

Links